Resenha | O dia depois do fora, de Laura Conrado

O dia depois do fora” é um lançamento nacional da autora Laura Conrado, publicado pela editora Bertrand Brasil, e vai abordar como Melissa reviveu diversas vezes o mesmo dia após o fora. Você consegue imaginar?

Laura Conrado


Tomar um fora já não é fácil, imagina reviver o mesmo dia inúmeras vezes? Deve ser a pior sensação do mundo! Imagina você ter que sofrer a mesma coisa, por diversos dias? E foi isso que aconteceu com Melissa.

Ela, aos 23 anos, está prestes a conquistar o seu tão sonhado diploma em odontologia, mas a vida nem sempre traz boas surpresas e foi nessa mesma época que Fred, o fisioterapeuta que tinha o seu coração, decide romper o relacionamento.


Sabe quando a vida te surpreende com páginas incríveis e nunca antes pensadas? Pois é. (pág. 10)

Sem muitas explicações e sem entender o que realmente tinha acontecido, Melissa sofre em silêncio. Tudo o que ela deseja é voltar para a casa e que aquele dia termine, porém, quando ela acorda no dia seguinte, ela está revivendo o dia anterior; o dia que tomou o fora.

Reviver o mesmo dia traz aquele sofrimento intenso, mas também uma saída: consertar e aprender com os seus erros e não só em questão do relacionamento, mas sim com toda a sua família.


O caminho para a felicidade é único, deve ser trilhado pela própria pessoa. Talvez o mesmo valha para se tornar uma mulher. (pág. 79)

Laura Conrado

Quando iniciei a leitura de “o dia depois do fora”, só conseguia pensar se fosse eu revivendo um término de relacionamento. Sinceramente não consigo imaginar como deve ser difícil você ficar presa em um dos momentos mais difíceis e delicados da vida, ainda mais quando o fim não tem uma justificativa.

Apesar do livro ter essa premissa diferente e incrível, confesso que fiquei um pouco confusa e perdida durante os capítulos. Imagina você revivendo o mesmo dia, então consequentemente alguns acontecimentos e até mesmo falas serão iguais, certo? E foi exatamente assim. Então nesse ponto achei a leitura monótona e esperava um desenrolar diferente.



Laura Conrado

A escrita da Laura Conrado é boa, então foi o que me prendeu durante a narrativa e me instigou a saber o porquê tudo isso estava acontecendo. Claro que isso só serviu para que ela avaliasse seus erros e consertasse algumas coisas em sua vida, mas a mensagem que a autora passou foi um pouco além disso.

Acredito que muitas vezes nós precisamos reviver alguns momentos para aprender com os nossos erros. É difícil pensar na situação de ter que reviver o mesmo dia diversas vezes e de diversas maneiras, mas em quantos momentos não passamos por algumas situações e só conseguimos pensar no “e se eu tivesse uma segunda chance”? E acho que isso foi o ponto mais alto do livro.


As pessoas nos tratam como nós nos tratamos. Recebemos a mesma medida de afeto que damos a nós mesmos. Se conseguir se tratar com amor, acolhendo suas limitações e sabendo que pode melhorar, tudo vai dar certo. (pág. 172)

Laura Conrado

O dia depois do fora” é uma leitura leve e que vai te causar alguns questionamentos. É aquela leitura para ler rapidinho, em uma tarde porque o leitor realmente fica querendo entender o que vai acontecer e como tudo será resolvido.


adicione no skoob: o dia depois do fora
*livro recebido em parceria com o grupo editorial record

Laura ConradoTítulo original: O dia depois do fora
Escritora: Laura Conrado
Editora: Bertrand Brasil
Páginas: 266
Lançamento: 2019
Gênero: romance / literatura nacional


SINOPSE
Prestes a se formar em odontologia, primeira na família a conquistar um sonhado diploma, Melissa está no caminho certo. Boas notas, vários artigos publicados em revistas científicas, um namorado perfeito. Aos 23 anos, ela só consegue olhar para a frente. Mas quando Fred, o fisioterapeuta que conquistou seu coração, resolve terminar tudo, o único futuro da menina parece estar ligado ao passado. Melissa fica presa em um looping temporal, fadada a reviver eternamente o dia depois do fora, até aprender com seus erros. Agora Melissa precisa deixar de lado o motorzinho e investir em restaurações bem mais complicadas. A começar pelo relacionamento com a família, com quem sente não ter mais nada em comum. Aos poucos, Melissa resgata a amizade com a irmã e o orgulho de ser filha de pais simples, mas batalhadores. E a vida profissional sofre uma repaginada, com a menina enfrentando, por fim, o medo da prática clínica. Melissa também acha tempo para voltar às boas com a melhor amiga, a muambeira Luane, e encontrar o amor verdadeiro depois de descobrir o que é amor. Afinal, tempo agora é algo que Melissa tem de sobra. Será mesmo?

Resenha | O dia depois do fora, de Laura Conrado Resenha | O dia depois do fora, de Laura Conrado Reviewed by PS Amo Leitura on dezembro 09, 2019 Rating: 5

20 comentários:

  1. nossa que temática diferente essa de reviver o fora, acho que deve ser mt interessante pra realmente nos lembrar a aprender com nossos erros

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que nesse ponto a autora acertou em cheio! A gente realmente aprende, apesar de ser realmente difícil reviver o mesmo dia diversas vezes.

      Excluir
  2. Olá...
    Esse livro vem sendo muito comentado nas redes sociais e, é claro, estou looouca pra ler! Achei a premissa muito original! Gostei dessa mensagem de reviver momentos para aprender com os erros... A minha vontade de ler só aumentou <3
    Bjão

    http://coisasdediane.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa mensagem do livro é a mais importante e, sem dúvidas, a que mais me conquistou.

      Excluir
  3. Eu adoro filmes que o protagonista revive o mesmo dia várias e várias vezes até conseguir "resolver" os problemas que estão causando o loop, "A Morte te da Parabéns", "Contra o Tempo", "Nu". Inicialmente achei a ideia do livro fantástica e já fiquei louco por ele, mas ai você chegou num ponto importante as coisas repetidas, num filme isso é legal, mas num livro já não acredito que seja, mas ainda fiquei com vontade de ler ele, obrigado pela dica!!

    Beijos!
    Eita Já Li

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já vi filmes assim como "a morte de da parabéns" e gostei. E essa parte de reviver o mesmo dia tornou-se cansativo e repetitivo. Logo no começo de um capítulo achava que estava revivendo o anterior, sabe? Infelizmente esse ponto não me agradou muito.

      Excluir
  4. Oi, que louco isso de ficar revivendo o mesmo dia inúmeras vezes, ainda mais o dia em que levou um fora! Tenho bastante vontade de ler esse livro e gostei de conferir sua opinião.

    ResponderExcluir
  5. Eu curti muito a premissa desse livro, confesso que adoro essa ideia de reviver um dia diversas e diversas vezes. Mesmo sem ler acabei indicando ele para várias pessoas na livraria em que trabalho e recebi bons feedbacks que me deixaram mais ansiosa para poder ler em algum momento.

    Silviane, blog Memento Mori• Siga no Instagram: @kzmirobooks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Reviver o mesmo dia deve ser complicado demais, ainda mais depois do fora hahaha. Espero que tenha chance de ler e se apaixonar pela história.

      Excluir
  6. Olá,
    Já li algo antes da Laura Conrado e achei ok, não curti tanto quanto imaginei. Porém quero dar uma outra chance e este livro parece ser ótimo para isso, já que gosto dessa coisa de viagem no tempo, o que de certa forma parece acontecer aqui.

    Debyh
    Eu Insisto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, foi meu primeiro contato com a autora e também achei ok. Espero gostar muito mais de outras obras dela.

      Excluir
  7. Oi, tudo bem? Eu li esse livro, e apesar de achar a proposta boa, além da escrita, faltou algo mais que fizesse ser marcante. Achei a leitura meio lenta pelo meio, porém no geral curti (só não fica favoritado). Adorei ver sua opinião sincera, e que fotos lindas!
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, senti falta de alguma coisa também :( infelizmente esperava um pouquinho mais, mas de qualquer forma, foi uma boa leitura.

      Excluir
  8. Não conhecia o livro, mas só em ser nacional já fiquei curiosa. Sou fã dos nossos autores brasileiros.
    Suas impressões me deixaram curiosa, apesar de acreditar que essas partes repetidas iriam me deixar com preguiça. Mas enfim valeu pela dica e parabéns pela leitura e resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que tenha a chance de conhecer e curta a leitura. É, as partes repetidas foi o que me incomodou mesmo :( mas de resto, vale a leitura.

      Excluir
  9. Oi!

    COnfesso que achei a temática interessante, mas quando você falou dos diálogos senti essa monotonia na pele. Mais, em contexto geral achei a ideia da autora muito interessante e o fato do ledor aprender algum coisa são pontos bem positivos.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A premissa é ótima mesmo e uma pena mesmo que os diálogos incomodaram um pouco. E sim, a gente sempre aprende um pouquinho com as obras, né.

      Excluir
  10. Olá!
    Já li alguns livros sobre reviver o mesmo dia e arrumar algumas coisas, mas é a primeira vez que o término é o dia em questão. Achei interessante, mesmo que esse tipo de leitura seja um pouco massante por ter coisas repetidas diversas vezes, acho que eu leria sim.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente em alguns momentos não me prendeu como eu esperava, mas... espero que tenha a chance de ler e que curta.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.