terça-feira, 29 de agosto de 2017

[Resenha] Darkmouth - Os Caçadores de Lendas

Escritor: Shane Hegarty
Editora: Novo Conceito (selo Irado)
Páginas: 336

SINOPSE: "Elas estão chegando! As Lendas (ou melhor, monstros aterrorizantes que se alimentam de humanos) invadiram a cidade de “Darkmouth”. Elas querem dominar o mundo. Mas não entre em pânico! Finn, o último dos Caçadores de Lendas, vai nos proteger. Finn tem doze anos, adora animais, não leva muito jeito para lutar; mas é muito, muito esforçado. E todos nós sabemos que ser esforçado é a melhor arma contra um Minotauro faminto, né? Hum... Pensando bem, pode entrar em pânico. Entre em pânico agora! Corra!"

Finn é um garoto de apenas 12 anos e vive em Darkmouth. É uma cidadezinha e tinha tudo para ser pacata, porém há monstros aterrorizantes na cidade. Esses monstros são conhecidos como lendas e se alimentam dos humanos. Finn é o último Caçador de Lendas e somente ele poderá salvar Darkmouth desse ataque.

Desde que nasceu, Finn já sabia qual seria seu destino. Seu pai sempre lutou para proteger aquele lugar e Finn seria o último para selar o seu destino. Sem ter com quem desabafar, ele acaba aceitando que é apenas isso que fará até o último dia de sua vida, mesmo tendo um grande sonho.

Com os monstros atacando a cidade, Finn tentará impedir que ela seja dominada por eles. Mas há um problema: seu pai não quer que ele enfrente tudo sozinho; não quer que ele descubra segredos do passado, porque se não, o que aconteceria se o último caçador morresse?




"Quando você ama o que faz, fica muito mais fácil levantar do chão toda manhã." (pág. 138)

Darkmouth é um livro infanto-juvenil e o autor atende perfeitamente esse público apresentando uma narrativa leve, simples e bem descontraída. As cenas no decorrer de cada capítulo é bem descrita, mesmo os capítulos sendo pequenos, isso faz com que a leitura flua com mais facilidade.

Quando você está lendo, você começa imaginar um cenário viking, entende? Mesmo não sendo esse cenário, a forma como o autor descreveu os personagens e os locais, faz com que o leitor imagine isso. Shane soube descrever perfeitamente a cidade e explorando a imaginação do leitor.

Eu gostei da forma como o autor descreveu os acontecimentos, porém o livro não me cativou completamente. Por mais que o livro tenha sido legal e bem divertida, não houve acontecimentos surpreendentes. Foi algo previsível e talvez tenha sido essa intenção dele por conta do seu público-alvo.

Enfim, para quem gosta do gênero, de aventura e de fantasia, então leia Darkmouth. Esse é o primeiro livro da série e se você ler e amar, com toda certeza vai ansiar pelo segundo o mais rápido possível!

Avaliação: ❤❤❤
*livro cedido em parceria com a Editora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário