sexta-feira, 30 de novembro de 2018

RESENHA | Almas gêmeas, de Nicholas Sparks

Por quanto tempo um amor é capaz de sobreviver?

Nicholas Sparks

Neste enredo nós vamos conhecer Hope Anderson e Tru Walls. Hope tem 36 anos e namora com o mesmo homem há seis anos, mas acredita que seu relacionamento não irá passar disso, pois não consegue enxergar um futuro para eles já que quando o assunto é casamento, eles brigam e terminam. Estão em um relacionamento ioiô, digamos assim.

Mas seu relacionamento não é a única coisa que a incomoda nos últimos tempos: seu pai está doente; foi diagnosticado com uma doença degenerativa e os médicos acreditam que não há muitos anos de vida para ele. Então ela decide que precisa de passar um tempo em sua casa na Carolina do Norte para tomar as decisões necessárias em relação à sua vida.

"Em se tratando de amor, sempre haverá quem duvide. Apaixonar-se é a parte fácil; fazer esse amor durar em meio aos numerosos desafios da vida é, para muitos, um sonho inalcançável." (pág. 14)

Nicholas SparksPorém, o que era para ser apenas dias tranquilos naquela cidade, um homem aparece na casa ao lado: Tru. Ele nasceu em Zimbábue e vive até hoje por lá. É separado e tem um filho de 10 anos e decidiu que era hora de encarar o seu passado e conhecer o seu pai biológico. Ele precisa de respostas sobre quem era sua mãe e sobre ele mesmo, e somente uma pessoa é capaz de lhe dar tudo o que é preciso.

Tru também acreditava que seriam dias tranquilos já que era sua primeira vez nos Estados Unidos e aquela parte era praticamente deserta, mas ao se deparar com um cachorro na praia que parecia atropelado, ele foi direto ao encontro e saiu à procura do dono. O que ele não esperava era que encontraria uma linda mulher, sozinha naquele local e que logo estariam conversando como se fossem velhos amigos.

"Se você ama uma pessoa, deixe-a ir, e se ela voltar é porque também ama você." (pág. 44)

Uma eletrizante ligação entre eles surge, mas há diversos motivos que impedem que esse sentimento se manifeste e passe para algo maior. Escolhas precisam ser tomadas, mas qual será que trará felicidade para ambos?

💭
Nicholas Sparks

Almas Gêmeas”, último lançamento do autor Nicholas Sparks, chegou recentemente nas livrarias e eu, como fã do autor, não resisti e adquiri rapidamente meu exemplar, e então, eu e a Lari, do Lariteratura, fizemos uma leitura conjunta dele. O que dizer de um livro que me despertou diversas emoções e até mesmo trouxe aquela emoção que somente o Nicholas é capaz de transcrever em suas páginas?

"Porque às vezes, tudo que uma pessoa precisa é de alguém para escutá-la." (pág. 110)

Quando eu li os últimos livros publicados pelo autor – “no seu olhar” e “dois a dois” – percebi que sua escrita havia mudado um pouco: Sparks apresentava mais aventura, um romance na medida certa e sem aquela caga emocional na qual estamos acostumados. Isso foi ruim? De forma alguma! Isso só mostrou o quanto o autor é maravilhoso e capaz de escrever em diversos aspectos. E agora com “almas gêmeas”, percebemos que ele retomou suas origens.

O livro traz muitas emoções. Logo no prólogo o leitor é capaz de conhecer um pouquinho por trás dessa emocionante história. Pela primeira vez o autor escreveu no prólogo como iniciou a sua história e que se encaixou perfeitamente no decorrer dos capítulos, assim como o epílogo deixa o leitor curioso por mais e até mesmo chocado. É lindo! É emocionante!

"Queria ser a pessoa que se lembrava de ser: alguém que abraçava a vida, que se entusiasmava tanto com as coisas comuns quanto com as extraordinárias. Não no futuro, mas a partir daquele exato instante." (pág. 123)

A narrativa de Nicholas Sparks continua a mesma: perfeitamente fluida. Os capítulos são narrados em terceira pessoa e sempre intercalando nos momentos entre os dilemas de Hope e nos momentos de Tru, e o enredo apresenta duas partes. Isso me deixou ainda mais aflita para saber como tudo iria acabar já que o final da primeira parte deixou aquela sensação de “preciso de mais”.

Outro ponto importante no livro é o significado de almas gêmeas. Confesso que quando vi o livro e li a sinopse, imagina que seria algo clichê no qual já estamos acostumados, mas não. É algo fofo, sim, mas algo que eu realmente não esperava. Se existe algo assim, quero ir agora mesmo para a Carolina do Norte. E esse significado tem uma grande ligação entre Hope e Tru que é indescritível de tão romântico.

"As pessoas falam sobre a verdade como se ela fosse a solução para todos os problemas da vida. Eu estou vivo há tempo suficiente para saber que não é. Às vezes a verdade pode fazer mais mal do que bem." (pág. 141)

Almas gêmeas” aborda as facetas do amor, os arrependimentos e a esperança. Um amor que é capaz de suportar anos, enfrentar obstáculos, doenças e deixar a esperança sempre viva. Apaixonem-se por essa linda história.

Nicholas Sparks

"Sempre havia acreditado que, em se tratando de amor, tudo era possível, que qualquer obstáculo podia ser removido." (pág. 160)


Avaliação: 4,5 ❤
*Adicione o livro na sua estante Skoob: Almas Gêmeas


Título original: Every Breath
Escritor: Nicholas Sparks
Editora: Arqueiro
Ano de publicação: 2018
Páginas: 272
Gênero: Romance / drama 
SINOPSE
Hope Anderson está numa encruzilhada. Aos 36 anos, ela namora o mesmo homem há seis, sem perspectiva de casamento. Quando seu pai é diagnosticado com ELA, Hope resolve passar uma semana na casa de praia da família, na Carolina do Norte, para pensar nas difíceis decisões que precisa tomar em relação ao próprio futuro.
Tru Walls nasceu numa família rica no Zimbábue. Nunca esteve nos Estados Unidos, até receber uma carta de um homem que diz ser seu pai biológico, convidando-o a encontrá-lo numa casa de praia na Carolina do Norte. Intrigado ele aceita e faz a viagem.
Quando os dois estranhos se cruzam na praia, nasce entre eles uma ligação eletrizante e imediata. Nos dias que se seguem, os sentimentos que desenvolvem um pelo outro os obrigam a fazer escolhas que colocam à prova suas lealdades e reais chances de felicidade.

3 comentários:

  1. Eu estou adorando as capas dessas novas edições do autor.
    Mesmo não acompanhando o seu trabalho e não me interessando pelas suas histórias, achei isso incrível.
    E admito que adorei esse quotes que selecionou

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  2. Oi! Gente, tio Nick sempre matando a gente do coração! Confesso que faz um tempinho que não leio nada dele, porque meio que mudei os estilos de leitura, mas não nego que os romances sempre me fazem chorar.. Sou bem íntima da escrita dele pra saber que vai ser uma pancada boa, digamos assim.. Adorei a perspectiva do encontro e de como os protagonistas vão se envolver, mesmo fazendo as escolhas que com certeza vão fazer a gente chorar rios.. Obrigada pela dica!

    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com ♥

    ResponderExcluir
  3. Fazem muitos anos que não leio nada do Nicholas Sparks que bate até saudade da escrita dele quando vejo uma resenha assim. Realmente, algumas emoções somente o Nicholas é capaz de transcrever, assim como a carga emocional que mencionou.
    Curiosa para conhecer o significado que o autor da a almas gêmeas, então vou anotar a dica, quero ler e matar a saudade.

    Abraços.
    https://acabinedeleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir