RESENHA | Vem comigo, de Karma Brown

Sabe aquele livro que destrói seu coração em mil pedaços e quando você acha que existe alguma esperança, ele destrói mais um pouquinho? “Vem comigo”, um dos lançamentos da editora Verus, é este livro.

Karma Brown

O ENREDO

Neste livro nós vamos conhecer Tegan Lawson. Uma mulher jovem e que tem tudo que sempre sonhou: um marido perfeito e está esperando um filho dele. Gabe é aquele cara carinhoso, romântico e que faz de tudo para deixa-la feliz.
Porém a felicidade do casal é interrompida quando eles estão a caminho da casa dos pais de Gabe, estão atrasados e a estrada está coberta de neve... Então, tudo acaba tornando-se uma escuridão.

O acidente devastou totalmente Tegan. Ela sente uma raiva incontrolável por ter perdido o bebê e todos seus sentimentos conflitantes são expostos e “jogados” em Gabe. Qual é o sentido da vida agora? E é onde Gabe mostrará a ela que é possível encontrar uma luz no fim do túnel.


Karma Brown"As pessoas fazem qualquer coisa na tentativa de ver você feliz outra vez; elas lhe dão o que você quiser. Exceto aquela coisa que você realmente quer e nunca mais poderá ter. Essa ninguém pode trazer." (pág. 20)

Quando Tegan pega o “pote dos desejos” que eles criaram antes dela engravidar, lá encontra-se todos os destinos que eles gostariam de conhecer. Por que não recomeçar? Por que não tentar aliviar a dor antes da depressão tomar conta por completo? E assim uma nova fase irá começar.

A PERSONAGEM

Logo no começo quando vi a personagem jogando toda a culpa no marido pelo acidente, confesso que não conseguia me conformar. Sei de toda a dor e sofrimento que ela passou, mas ainda assim, Gabe também perdeu o filho nesse acidente. Mas com o passar dos capítulos foi possível entender um pouco melhor a personagem.

Após o acidente, ela começou a sofrer de depressão e vários outros problemas desencadearam. Ela negou tomar remédio de depressão, pois o seu maior medo era esquecer a criança. Com muito cuidado e muito custo também, ela começa a perceber a necessidade de ter aquilo em sua vida e de como isso seria importante não só para ela, mas para todos aos seu redor.


"Quando você enfim percebe como tudo parece perfeito, é porque as coisas estão prestes a mudar. Em um piscar de olhos, como dizem por aí." (pág. 45)

Chegar nesse ponto não foi fácil! Tegan sofreu absurdamente e em muitos momentos você sentia por completo a dor e o sofrimento da personagem. Acho que um dos pontos que mais me tocou neste livro. Admiro muito a forma como Karma Brown apresentou alguns acontecimentos e como isso me machucou junto.

Karma Brown

A NARRATIVA

Como citei acima, a forma como a autora colocou todos os sentimentos conflitantes e toda a dor da perda nas páginas, isso deixou a estória ainda mais real, mais viva! É impossível não ter o coração apertadinho ou os olhos cheios de lágrimas no decorrer da leitura.

Vem comigo” é aquele livro que te traz muitas emoções: nos capítulos antes do acidente você está sorrindo da forma carinhosa e romântica do casal; em outro você está chorando pelas palavras duras e toda a dor existente.

Devo dizer que quase no final do livro o leitor é surpreendido com um acontecimento. Algo acontece e você fica pensando “não creio, como isso é possível?”, mas quando você para e analisa tudo o que aconteceu até aquele momento, percebe que sim, é possível.


"Se alguém me dissesse que é possível amar e odiar tanto uma pessoa ao mesmo tempo, eu jamais acreditaria. Mas estaria tão errada." (pág. 58)

Karma Brown
Outro ponto importante neste enredo é a importância da família. A família é a base para tudo! Você pode surtar, chorar, gritar, se afastar de todos, mas a família sempre estará lá com você para te sustentar e dar a força que você precisa para continuar.

FINALIZANDO...

O que dizer de um livro que despedaçou meu coração e me fez em muitos momentos segurar o choro por não aguentar toda a emoção por trás de cada página? Sabe quando você finaliza a leitura e não encontra palavras para descrever todos os sentimentos que estão dentro de você?

Vem comigo” é este livro! Um livro que fala sobre a jornada de uma mulher para superar o luto e seguir em frente. Fala sobre como lidar com a perda, a reconciliação com aqueles que amamos e conosco, e as escolhas que precisamos fazer para que a vida continue.

Se você procura uma história comovente e inesquecível, indico essa obra. Mas lembre-se: é necessário estar com o coração preparado e com uma caixinha de lenço ao lado.


Avaliação: 5 ❤ - adicione no skoob: vem comigo
*livro recebido em parceria com o grupo editorial record.

Título original: Come away with me
Escritora: Karma Brown
Editora: Verus
Páginas: 305
Lançamento: 2019
Gênero: drama / sick-lit

SINOPSE
Tegan Lawson tem tudo o que poderia querer da vida, incluindo Gabe, seu marido amoroso, e um bebê a caminho. Mas um acidente deixa a vida de Tegan tão devastada como o carro do qual ela foi resgatada.
Entre a perda do bebê e a raiva incontrolável por Gabe, que estava dirigindo naquela noite, Tegan está afundando em tristeza. E, quando ela pensa que chegou ao fundo do poço, Gabe a lembra do ''pote dos desejos'', uma coleção das viagens e experiências dos sonhos do casal. E assim se inicia a aventura.
Dos tumultuados mercados da Tailândia até os sabores da Itália e as ondas do Havaí, Tegan e Gabe embarcam em uma jornada para escapar da tragédia e encontrar o perdão. Mas, quando as coisas tomam um rumo chocante no Havaí, Tegan é forçada a encarar a verdade - e a decidir se a vida ainda vale a pena, mesmo que não seja exatamente como ela sonhou. 

RESENHA | Vem comigo, de Karma Brown RESENHA | Vem comigo, de Karma Brown Reviewed by PS Amo Leitura on abril 26, 2019 Rating: 5

30 comentários:

  1. Eu sinceramente não dava nada por essa capa. Não esperava que o livro fosse tão emocionante e fiquei bem interessada em ler também. Eu gosto quando as histórias reforçam a importância da família, isso sempre me toca de uma maneira especial. Gostei da dica, tava bem querendo ler uma resenha desse livro e já anotei pra tentar ler mais a frente :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa não retrata nem metade das emoções que o livro apresenta. Ele é muito emocionante e precisa ter o coração bem preparado para tudo que acontece. Fico feliz que tenha gostado e espero que tenha a chance de ler. Vai amar!

      Excluir
  2. Parece uma história forte então. Não tinha dado muito por ele, mas pelo que disse dos sentimentos na leitura e toda essa tristeza e forma como mostra a dor da personagem, a tentativa de entender o porque disso tudo, a coisa com o marido e etc já deixa uma curiosidade pra saber se pega a gente de jeito assim. Uma reviravolta no fim já atiçou a curiosidade também. Parece legal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro muito intenso, viu? Uma leitura que vale muito a pena, mas que precisa estar com o coraçãozinho bem preparo porque vai tocar bem lá no fundo mesmo!

      Excluir
  3. Parece ser um livro lindo, eu tenho o marcador dele, mais não por ainda
    Depois dessa resenha vou por na lista com certeza

    ResponderExcluir
  4. A vibe do livro pela historia me lembrou muito os livros da Brittainy C. Cherry. Não gosto tanto dessa capa, mas me interessei pelo livro pela resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério? Já me empolguei um pouco mais para ler os livros da Brittainy porque eu amo um drama! A capa não remete muito da história, mas vale super a pena. Fico feliz que tenha gostado da resenha :D

      Excluir
  5. Oi! Eu sempre fico em pedaços quando leio histórias com esse drama tão carregado, mas não consigo deixar de ler... geralmente, quando sei que a história tem esse potencial destruidor, eu me preparo emocionalmente antes para embarcar, porque quando o autor tem a capacidade narrativa de envolver o leitor é impossível não se desesperar com o sofrimento dos personagens! Já quero muito ler!
    Beijos, Adri
    Espiral de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adoro livros com essa carga emocional e também sempre me preparo. É impossível não se envolver com a história e sofrer junto com a personagem. Super recomendo.

      Excluir
  6. Olá Fabiana!
    Definitivamente esta obra exige que o leitor esteja com as sessões no psicólogo em dia, porque é um drama intenso, né? A obra está sendo bastante elogiada pela forma com a qual Brown abordou a perda, mostrando que quando passamos por uma situação como essa a válvula de escape mais comum é descontar toda a tristeza na pessoa mais próxima. Enfim, parece que há um final satisfatório na narrativa, com um final marcante pelo visto.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro extremamente intenso e que vale muito a leitura, mas precisa ter o coração preparado para todas as emoções.

      Excluir
  7. Meu coração já ficou apertado só lendo essa resenha, imagina lendo o livro? Não to querendo ler um livro muito depressivo agora, mas vou adicionar na minha lista para ler depois, porque parece ser muito bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro vai te dar um aperto no coração ainda maior! Deixa na sua wishlist porque vale muito a pena.

      Excluir
  8. Olá Fabiana!
    Realmente vivenciar a perda de um ente querido é algo bem delicado, principalmente se for da maneira brusca como a retratada no livro. Já deu para perceber que a emoção reina no decorrer da história. Não sei se você já leu algo de Liane Moriarty, mas achei a história bem parecida com as que ela costuma escrever, pois acontecimentos impactantes que causam reviravoltas é típico da autora. Gosto bastante de livros assim.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não li nada da Liane, mas gostei de saber que ela aborda assuntos impactantes também. Então com toda certeza você vai se emocionar e amar muito este livro.

      Excluir
  9. Olá!
    Eu gostei do livro, tem uma premissa ótima. Me deixou bastante curiosa pela trama e também por conhecer a autora. É bom vê como a personagem supera e passa por todo esse sofrimento.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que a personagem não supera totalmente os problemas enfrentados, mas ela lida muito com eles em cada capítulo. Recomendo a leitura.

      Excluir
  10. Oi, Fabiana!
    Sim, eu conheço livros que destroem corações, mas confesso que eu fujo deles, principalmente daqueles que abordam a dor da perda como é o caso de Vem Comigo, pois sou uma manteiga derretida e livros nesse estilo me deixam com uma deprê e uma ressaca literária braba... por isso dificilmente eu leria a história de Tegan e Gabe.
    Bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma pena que foge desses livros :( eu amo histórias assim e essa é uma que vale a pena a leitura.

      Excluir
  11. Esse livro... ♡
    Senti o impacto, ainda mais com o final. Deu vontade de voltar tudo porque achei que tinha lido errado.
    É uma história linda, com uma mensagem maravilhosa e amo o Gabe, também fiquei um pouquinho brava com Tegan.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se eu te falar que esperava por aquele momento, você acredita? Eu desconfiei disso, mas não queria acreditar.É um livro bem intenso mesmo!

      Excluir
  12. Eu não dava nada por esse livro, ainda mais pela capa dele... rs Mas confesso que me surpreendi pela sinopse e pela resenha. É uma história incrível e quero ler depois também.
    Bjks!

    Mundinho da Hanna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa realmente não revela muito sobre ele, mas vale muito a pena!

      Excluir
  13. Eu gosto bastante de enredos com esse fundo dramático. Imagino como é ver de fora ela culpando o marido por tudo, mas infelizmente nessas situações de trauma é realmente assim que acontece. Já percebi isso e muitos casais muitas vezes acabam se separando por não saber lidar com a dor. Fiquei curioso por esse final e imaginando o que a autora criou nesse desfecho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É triste demais quando isso acontece, mas também é uma realidade. Acho que isso foi um dos pontos que mais me cativou no livro. Espero que você tenha a chance de ler e se emocionar.

      Excluir
  14. Fabi!
    Gosto de livros como esse que nos fazem sentir cada passagem, o drama, a dor da protagonista e ainda assim ter o apoio familiar e saber que o arrependimento por muitas coisas domina na hora e nos coloca a refletir.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então se você gosta de livros assim, "vem comigo" vai te encantar e surpreender em muitos aspectos. É uma leitura que eu super recomendo!

      Excluir
  15. Eu ainda não tinha lido nenhum resenha sobre esse livro e a cada linha que eu ia lendo da sua resenha me fez desejar o livro.
    Realmente, ele possui muito do que eu gosto e já vou me preparar para as emoções despertadas!
    Beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então ele vai te conquistar do começo ao fim! Espero que tenha chance de se apaixonar por este livro.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.