Resenha | Desencontros à beira-mar, de Jill Mansell

Desencontros à beira-mar”, um lançamento da Editora Arqueiro através do selo Romances de Hoje, vai contar a história de quatro personagens apaixonantes onde o maior segredo deles está no amor.

Jill Mansell

Apaixone-se pelo desconhecido

Sabe aquele livro que você começa a leitura despretensiosamente, mas acaba totalmente apaixonada pelo enredo e por todas as questões envolvidas dos personagens? Então, foi assim que me senti durante a leitura deste livro.

Desencontros à beira-mar” é um livro que vamos conhecer quatro personagens totalmente diferentes, mas com grandes histórias para contar. A primeira é Clemency que se apaixona por um cara desconhecido dentro do avião. Após tentar chamar atenção do bonitão do seu lado e nada, a turbulência do avião dá esse empurrãozinho e eles começam a conversar. Seria demais fazer planos para o futuro logo de cara? Ela tem certeza que encontrou o amor da sua vida.

Às vezes, basta uma fração de segundo para um estado de calma absoluta se transformar em um momento de horror e pânico. (pág. 09)

Sam é o bonitão que está no avião ao lado de Clemency. Ele gosta da conversa fluida que surge entre eles, mas ele não pode se envolver: ele é casado. É perceptível que a decepção é enorme para a garota, mas ele é fiel a sua esposa. Porém, quando saem do avião, passam-se três anos e quando ele volta para a cidade litorânea onde Clem mora, ele está namorando a irmão postiça dela.

Belle é a irmã postiça de Clemency e ela tem certeza que ele é perfeito em muitos aspectos e namorá-lo é como causar inveja a sua irmã solteirona, mas na verdade algo está diferente na relação deles e não vai muito bem. Somente Belle pode dizer o porquê.

Porque, às vezes, não importava o quanto apertasse o botão de apagar, aquilo que você estava tentando retirar do cérebro simplesmente se recusava a desaparecer. (pág. 41)

E por último nós temos Ronan, o melhor amigo de Clemency, e que aceita embarcar na loucura de fingir ser o namorado postiço dela causar ciúmes a Belle. Porém, nessa loucura de namorado postiço, ele acaba se apaixonando por uma mulher e não sabe como lidar com toda essa situação.

Jill Mansell

Desentendimentos e confusão

Clemency é o foco principal da história, pois como vocês podem ter percebido, muitas coisas giram em torno dela, mas os capítulos são intercalados por todos os personagens citados e mostrando todos os dilemas de cada um.

Apesar de parecer um pouco confuso todas essas situações apresentas, não é. O livro tem uma leveza e uma fluidez incrível que você não consegue largar a leitura até saber o que vai acontecer no próximo capítulo, afinal, cada fim de capítulo deixa com gostinho de “quero mais”.

Se parássemos para pensar nas coisas antes de fazê-las, talvez nunca fizéssemos nada. Às vezes temos que agir por instinto e ir com tudo." (pág. 213)

Esse livro me causou um misto de emoções: em um momento eu estava rindo de como Clemency é uma personagem atrapalhada; no outro eu estava suspirando de como Sam é um cara fofo e até eu o queria como alma gêmea; no outro estava torcendo para que Belle vivesse a vida que sempre desejou e em outro estava sorrindo por tudo que aconteceu na vida de Ronan. É aquele típico livro que deixa um quentinho no coração.

Assim como a proposta do selo Romances de Hoje, da Arqueiro, sem dúvidas em “desencontros à beira-mar” teremos personagens fortes, determinadas e cheias de atitudes.

Às vezes, coisas maravilhosas aconteciam, do nada e sem qualquer motivo aparente. E o que mais se podia fazer além de seguir em frente e ficar agradecida porque a pessoa que você amava mais do que a qualquer outra no mundo também amava você? (pág. 325)

Jill Mansell

O maior segredo é o amor

De todas as mensagens que o livro passa, sem dúvidas o amor é o foco principal, assim como a autodescoberta. Muitas vezes a gente só precisa nos conhecer melhor, descobrir sobre nossas origens, olhar para nós mesmos e nos deixar levar por todos os sentimentos do coração.

Muitas vezes precisamos mostrar que nos importantes e que estamos ali para qualquer situação; muitas vezes precisamos aceitar que alguma coisa terminou, recomeçar a vida e encontrar a felicidade. Muitas vezes precisamos apenas transparecer o amor.



Desencontros à beira-mar” é aquele chick-lit maravilhoso e que irá desenterrar muitos segredos, mas que também trará felicidade em muitos momentos (mesmo com muitos percalços pelo caminho).


Jill Mansell


adicione no skoob: desencontros à beira-mar | (4 ❤)


Título original: Meet me at Beachcomber Bay
Escritora: Jill Mansell
Editora: Arqueiro
Páginas: 336
Lançamento: 2019
Gênero: chick-lit / romance / romances de hoje

SINOPSE
O amor está no ar na pequena cidade litorânea de St. Carys – mas à primeira vista nem dá para saber, pois seus habitantes são mestres em esconder os próprios sentimentos.
Após perder a hora, Clemency é a última a entrar no avião, frustrando os planos do belo passageiro que esperava viajar ao lado de um assento vazio. Durante o trajeto, ela percebe que o simpático estranho tem tudo para ser o amor de sua vida. Mas só não conta com um pequeno detalhe: ele é casado.
Três anos depois, Clemency está morando em uma casinha aconchegante perto da praia para focar na própria carreira. Tudo segue na mais perfeita ordem quando o homem apaixonante do avião, Sam, reaparece, porém não do jeito que ela gostaria: ele agora está namorando justamente sua meia-irmã, Belle.
Tentando esconder os sentimentos, Clemency convence Ronan, o melhor amigo, a embarcar em um plano maluco, fingindo um relacionamento amoroso com ela. E é aí que os desentendimentos e a confusão começam.
Enquanto o sol esquenta a areia e o mar turquesa cintila, uma verdade fica clara: segredos enterrados sempre acabam vindo à tona.

Resenha | Desencontros à beira-mar, de Jill Mansell Resenha | Desencontros à beira-mar, de Jill Mansell Reviewed by PS Amo Leitura on agosto 23, 2019 Rating: 5

22 comentários:

  1. Tudo bem? Vi resenha recente sobre esse livro ee parece que muitas pessoas tem gostado! Amei suas impressões!

    ResponderExcluir
  2. é mt bom quando a gente pega um livro despretensiosamente e ele nos surpreende, adorei conhecer mais dele com sua resenha por aqui

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bom demais! É uma surpresa mega agradável. Fico feliz que tenha gostado da resenha.

      Excluir
  3. eu adoro pegar um livro sem esperar nada dele e acabo ficando muito feliz com o desenrolar da história, não existe nada melhor que isso!
    Eu ainda tô começando nesse mundo do chick lit, mas sempre adoro conhecer coisas novas e esse livro parece ser super gostoso, vou procurar ele pra ler quando tiver numa ressaca. amei a sua resenha e suas fotos ficaram muito perfeitas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chick-lit é um gênero tão amorzinho! Eu amo. Fico feliz que tenha gostado e ele é bem leve mesmo. Após uma ressaca literária vai ser perfeito!

      Excluir
  4. Olá, tudo bem? Que amor de capa! Eu ainda não conhecia esse livro, mas fiquei louca pra ler depois de ver a tua resenha. Parece ser mesmo uma obra que mistura diversos sentimentos no leitor. Adorei a dica, já quero ler!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É aquele livro com várias emoções mesmo! Super recomendo <3

      Excluir
  5. Oi, tudo bem? Adoro histórias de amor e essa até que me fisgou, mas nada demais, sabe? Mas gostei de saber sobre essa, parece cativante, apesar de ter um enredo meio enrolado (bom saber que não é assim). Obrigada pela dica, vou ver se me interesso mais pra frente.

    Love, Nina.
    www.ninaeuma.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro muito cativante e que te deixa curiosa para saber sobre o final. Espero que dê uma chance e curta.

      Excluir
  6. Oi, depois de ler seu post, já quero esse livro na minha estante! Amo quando começamos um livro despretensiosamente e ele nos conquista. Fiquei curiosa pra ver no que vai dar isso de as irmãs que querem fazer inveja uma na outra e isso de namorado de mentirinha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagina a situação engraçada que isso tudo vai gerar?! haha É um livro muito bom e recomendo! Espero que leia e curta também.

      Excluir
  7. Olá! Tudo bem?

    Eu adoro quando um livro nos causa um misto de emoções, é como se ele estivesse alcançado seu objetivo. sendo sincera, eu não dava muito pela história vendo somente a capa, mas lendo sua resenha percebi que se trata de um livro muito apaixonante. Anotei a dica!

    Beijos,
    Blog Diversamente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério? Só pela capa já havia me conquistado hahaha fico muito feliz que minha resenha tenha te cativado. Dê uma chance, não vai se arrepender.

      Excluir
  8. não su fã de romances mas confesso que alguns, como esse da resenha, as vzs me dão uma sensação de coração aquecido, de ''tudo vai dar certo'' e acho obras assim mega necessárias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, sem dúvidas esse vai te causar essa emoção. Espero que leia e goste!

      Excluir
  9. Esse livro será uma das minhas próximas leituras e estou bem animada para ler, os demais volumes da coleção me encantaram e acho que com esse não será diferente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A nova coleção da Arqueiro está ótima, né? Estou apaixonada também! Com certeza vai adorar esse livro.

      Excluir
  10. Olá, tudo bem? Adorei a proposta do livro fiquei bem empolgada para ler porque gosto muito desse gênero e estilo de narrativa, espero ter a oportunidade em breve!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se curte o gênero, sem dúvidas vai adorar esse livro ;D

      Excluir
  11. Oi tudo bem? Como eu amo esse livro, li tem um tempinho e me apaixonei pela escrita da autora, estou louca pelo lançamento da mesma esse mês 😀

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já até solicitei o lançamento desse mês para a Arqueiro :x hahaha estou bem curiosa também.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.