Resenha | Garotas de neve e vidro, de Melissa Bashardoust

terça-feira, 22 de junho de 2021

 Já imaginou ter o seu coração transformado em neve ou vidro? E, com isso, você não conseguir sentir amor? Afinal, o que seria da vida sem esse sentimento? Em Garotas de Neve e Vidro, escrito por Melissa Bashardoust e publicado pela Plataforma21, vamos conhecer a história da Lynet e Mina.

garotas de neve e vidro


Mina é filha de um mago cruel e sua mãe está morta. Aos 16 anos, ela descobriu que seu coração nunca tinha batido forte por ninguém e foi quando soube que seu pai havia arrancado o mesmo e, no lugar, colocara um coração de vidro. Porém, quando ela chega ao castelo de Primavera Branca e vê o rei pela primeira vez, ela cria um plano: ganhar o coração dele e, finalmente, descobrir o que é o amor.

Mas, com esse seu plano, ao que tudo indica, ela se tornará madrasta. Lynet tem 15 anos e é a imagem de sua falecida mãe. Um dia, ela descobre a verdadeira razão disso: ela foi criada a partir da neve. Um mago a criou com todas as semelhanças da rainha morta.

Em meio a diversos segredos, Lynet e Mina estão fadadas a serem rivais desde o princípio, mas para que isso não aconteça, elas precisaram se redescobrir e buscar um novo significado à história que lhes foi imposta.

Garotas de Neve e Vidro é um livro único de fantasia e que intercala acontecimentos do passado, explicando tudo o que aconteceu com Lynet e Mina e o porquê elas possuem o coração dessa forma. Já na narrativa do presente, inúmeras coisas acontecem, ocasionando uma pequena confusão e também um plot.

Logo na premissa do livro, já sabemos que essa sobre apresentará questões de empoderamento feminino e isso eu não posso discordar. A Melissa Bashardoust apresentou tudo perfeitamente bem. Ela soube como mostrar a forma feminino e como enfrentar todo o machismo e qualquer coisa que tentava atrapalhar a união das duas, afinal, ou elas criariam uma intriga ou acabariam unindo-se para tal ato.

garotas de neve e vidro

Até aí, só tenho elogios da forma como a autora conduziu a história, porém, após o plot, senti que a mesma acabou "se perdendo" um pouco na narrativa. Senti que após esse acontecimento revelador (mesmo já imaginando o que ele poderia ocasionar), ainda assim as cenas ocorreram de uma forma confusa. E isso, de certa forma, acabou me desconectando um pouco da trama.

Ainda assim, esse é um livro que vale a leitura. A gente conhece todo o cenário de um reconto da Branca de Neve, nos aventuramos por uma jornada na Primavera Branca e torcemos para um desenrolar feliz da história.


"Nós não podemos fazer as coisas voltarem a ser como antes, mas talvez... talvez possamos fazer alguma coisa nova."

 

Você pode gostar também:



garotas de neve e vidro
Título original: Girls made of snow and glass
Escritora: Melissa Bashardoust
Editora: Plataforma21
Páginas: 424
Ano: 2018
Gênero: fantasia

SINOPSE
Mina é filha de um mago cruel e sua mãe está morta. Aos dezesseis anos, seu coração nunca bateu apaixonado por ninguém – na verdade, ele jamais bateu de forma alguma, e Mina sempre achou esse silêncio normal. Ela nunca suspeitou que o pai arrancara seu coração e, no lugar, colocara um coração de vidro. Então, quando Mina chega ao castelo de Primavera Branca e vê o rei pela primeira vez, ela cria um plano: ganhar o coração dele, tornar-se rainha e finalmente conhecer o amor. A única desvantagem desse plano, ao que tudo indica, é que ela se tornará madrasta. Lynet tem quinze anos e é a imagem de sua falecida mãe. Um dia, ela descobre a verdadeira razão disso: a partir da neve, um mago a criou à semelhança da rainha morta.

Mas, apesar de ser a projeção visual perfeita da falecida rainha, Lynet preferiria ser forte e majestosa como sua madrasta, Mina. E Lynet realiza seu desejo quando o pai a torna rainha dos territórios do sul, tomando assim o lugar de Mina. A madrasta, então, começa a olhar para a enteada com algo que se assemelha ao ódio, e Lynet precisa decidir o que fazer – e quem quer ser – para ter de volta a única mãe que de fato conheceu... ou simplesmente vencer Mina de uma vez por todas. Garotas de Neve e Vidro traça a relação de duas mulheres fadadas a serem rivais desde o princípio – a não ser que redescubram a si mesmas e deem novo significado à história que lhes foi imposta.

Postar um comentário