Resenha: Apenas fique, de Mila Maia

março 01, 2018

Imagine a seguinte situação: vocês são amigos desde a infância, sempre compartilhando todos os momentos, mas um certo dia você começa a ter sentimentos por ele. Como lidar com essa situação? Se declarar e correr o risco de perder a amizade que vocês construíram ou permanecer calada com todos aqueles sentimentos?


Mila Maia


Clara e Zion são amigos desde sempre. As pessoas que os viam junto sempre achavam que eles já eram um casal, mas eles nunca se sentiram assim. Sempre se viram como amigos e isso era tudo. As namoradas de Zion sempre sentiam ciúmes de clara por conta dessa amizade. Mas eles não entendiam o porquê disso.

Até que uma noite mudou tudo. Clara decidiu que era o momento de se declarar, de abrir seu coração para Zion, mas ela não esperava que tudo acontecesse da forma como ocorreu. Sem esperar pelas respostas ou consequências, ela vai embora e levando consigo apenas as lembranças que ela e Zion construíram até aquele momento.

“Era oficial. Eu havia me apaixonado pelo meu melhor amigo.”

Três anos depois ela decide que é o momento de voltar e até mesmo de conversar com Zion, pois feriadas ainda não foram fechadas e o coração de ambos ficou despedaçado. Com essa determinação ela vai fazer o possível para ter Zion novamente em sua vida. Será que o amor é capaz de mudar tudo?

Mila Maia

Mais uma vez a autora Mila Maia me conquistou infinitamente! “Apenas fique” tem uma leitura completamente fluída e completamente apaixonante – tanto é que li esse livro em apenas 1h40min! Isso mesmo. Eu devorei as 121 páginas.

“Os beijos dele eram como provar do paraíso. Eu adorava a maneira como ele tocava minha pele, como seu corpo se encaixava perfeitamente com o meu e principalmente como ele me olhava.”

Apesar do livro ser aquele clichê gostoso de ser lido e você já esperar pelo o que vai acontecer, a autora sempre aborda temas importantes em seus livros e com esse não foi diferente. Ela nos mostra como podemos ser independentes e o quanto o amor é capaz de nos mudar e mudar também nossa visão sobre o mundo. Uma estória de amor leve e completamente apaixonante.

Clara e Zion são maravilhosos. Confesso que no momento que Clara foi embora para outra cidade por conta dos seus sentimentos, senti vontade de gritar: “não, garota! Volta e resolva seus problemas!”, mas quando a estória foi se desenrolando, foi possível entender o porquê ela agiu dessa forma. Afinal, quem não precisa de um tempo para assimilar as coisas que acontecem, não é mesmo?

Mila Maia


“Até mesmo quando eu não sabia, meu coração já era dele. Todo o tempo que passamos longe um do outro criou mágoas profundas que nos machucaram e nos afastaram por um tempo, mas o nosso amor foi forte e perseverante, passando por cima de tudo isso e vencendo mais uma vez.”

Leiam “apenas fique”. Se apaixonem por Clara e Zion. Deem uma chance ao amor.


Avaliação: 4,5 ❤

Título original: Apenas fique
Escritora: Mila Maia
Editora: Independente
Ano de publicação: 2017
Páginas: 121
Gênero: Literatura brasileira / romance

SINOPSE | SKOOB
"Amigos desde a infância, Clara e Zion sempre foram inseparáveis: compartilhavam tudo, desde as alegrias até as tristezas.
   Muitos diziam que eles pareciam um casal, mas eles não se viam assim. Eles eram amigos...
   Até uma noite mudar tudo.
   Depois de uma confusão, ela foi embora, levando muito mais que apenas lembranças.
   Três anos depois, Clara volta à cidade em que tudo aconteceu, determinada a mostrar o quanto mudou.
   Zion não esperava reencontra-la, muitas coisas precisavam ser ditas e decisões precisavam ser tomadas.
   O tempo criou mágoas, mas será o amor capaz de curar isso tudo?"



Conheça outros livros/contos da autora:

You Might Also Like

5 comentários

  1. Oie!
    Só de ler sua resenha eu já me apaixonei pelos personagens e claro pelo enredo que parece bem desenvolvido, eu conhecia por nome apenas, agora preciso ler pra ontem, eu adorei, capa linda!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Oiieee

    A gente fala de clichê mas no fundo a gente gosta e até desfruta se for um clichê bem feitinho, com umas cenas que fazem o coração da gente aquecer. Não é exatamente meu tipo de livro, mas tem boa pinta, pra quem curte o gênero achei uma boa dica.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  3. Se clichê não fosse bom, não seria o sucesso que é e nem teria esse nome, certo? Acho que, se for bem desenvolvimento e tiver um diferencial, vale muito a pena. Confesso que não gosto de personagens que fogem das suas questões, afinal, o melhor do livro são os problemas e os desenrolares, não?

    ResponderExcluir
  4. Ah, adoro um clichê
    hehehehehehehehe
    Gostei da capa e da sinopse
    com sua resenha fiquei curiosa pra ler!

    Bjooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oii!

    Adorei a resenha, mas acho que deixar a dica anotada para o futuro.
    No momento não estou procurando muitos livros clichês (apesar de ser o que venho encontrando nas últimas leituras), mas sim algumas histórias emocionantes e de tirar o fôlego, hehehe!

    Beijos
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Instagram

NO FACEBOOK

SOBRE

blog PS Amo Leitura
PS Amo Leitura surgiu em 2014 com o intuito de compartilhar o meu amor pela leitura com todos.

o que estou lendo

Skoob